Palácio Real

Com mais de 600 quartos, o Palácio Real de Estocolmo é um dos maiores da Europa. A sua localização, em pleno coração de Gamla Stan e a sua famosa troca da guarda fazem dele uma visita imprescindível em Estocolmo.

O Palácio Real de Estocolmo, ou Kungliga Slottet, foi construído a finais do século XVIII sobre os restos de um antigo castelo medieval que foi arrasado pelas chamas. O estilo do palácio atual é barroco italiano e os seus mais de 600 quartos fazem dele uma das maiores residências reais de toda a Europa.

Encontra-se à entrada da Cidade Velha ou Gamla Stan, a poucos metros do Parlamento da Suécia. Embora hoje em dia não seja a residência oficial da monarquia, o rei da Suécia trabalha no Palácio Real e mantém aí os escritórios da Corte.

O que ver no Palácio Real

  • Apartamentos reais: ocupam a maior parte das instalações do palácio: quartos, salas de recepção e apartamentos para convidados. Os apartamentos reais representam o luxo e a decoração ostentosa da monarquia sueca.
  • Salão de banquetes: como todos os palácio real, a sala de banquetes é uma das maiores e mais elegantes divisões do edifício. Hoje em dia, continuam a celebrar-se aqui os banquetes de bodas reais.
  • Biblioteca Bernadotte: a majestosa biblioteca do Palácio Real abriga volumes históricos que formam a coleção real de livros, cerca de 100.000, aproximadamente.
  • Capela Real: esta elegante capela decorada em ouro e mármore data de finais do século XVII. O seu majestoso órgão capta a atenção de todos os seus visitantes, assim como as suas esculturas, estátuas e frescos no teto.
  • Salão do Estado: Rikssalen en sueco. Abriga o trono da rainha Cristina, protegido por veludo azul, e duas estátuas gigantes de ambos os lados.
  • Carruagens: nas cavalariças do Palácio Real estão carruagens históricos que serviam a família real da Suécia durante muitas gerações.
  • Outros museus dentro do Palácio Real

    Museu Tre Kronor

    Este museu recria o antigo palácio real que foi arrasado por um incêndio em 1697. Através das maquetes e objetos da época, Tre Kronor oferece um percurso pelo palácio desde os seus inícios como fortaleza medieval até à sua consolidação como residência real.

  • O tesouro

    Nas abóbadas do Palácio Real, se expõem as joias mais valiosas da monarquia sueca. A maioria dos objetos expostos são coroas de ouro ou prata decoradas com pedras preciosas que se utilizam em algumas ocasiões.

  • Na sala "O tesouro", também se expõe a espada do monarca Gustav Vasa (1496-1560), o cetro do rei Erik XIV e a fonte batismal de prata ainda em uso na família real.

  • Museu de Antiguidades do rei Gustavo III

Na ala leste do Palácio Real se encontra um dos museus mais antigos de Estocolmo, a coleção privada de arte do rei Gustavo III. A exposição, presente desde 1794, abriga mais de 200 esculturas de bronze e mármore trazidas de Itália e outros países da Europa, entre as quais se destaca O Endimião.

Todos estes museus têm um custo adicional.

A troca da guarda

Uma das atrações turísticas de Estocolmo mais vistas é a famosa troca da guarda real. É celebrada todos os dias à frente da praça do Palácio Real às 12:15 horas no inverno e às 11:45 horas no verão. Aos domingos e feriados, é feita uma hora mais tarde.

Durante quarenta minutos, os guardas desfilam ao ritmo da Banda Real, atraindo a atenção de milhares de espetadores. Se trata de um evento imprescindível se você estiver pelo centro de Estocolmo. Recomendamos que chegue com tempo às imediações do Palácio Real devido à afluência de gente, sobretudo em temporada alta.

Horário

De outubro a abril:
De terça a domingo: das 10:00 às 16:00 horas.
Segunda-feira: fechado.
De maio a setembro:
Todos os dias: das 10:00 às 17:00 horas

Preço

Adultos: kr160 (US$17,30)
Estudantes e crianças dos 7 aos 17 anos: kr80 (US$8,60) 

Transporte

Bonde: parada Gamla Stan.
Ônibus: linhas 2, 55, 57, 76, 96, 191 e 192.